Páginas

segunda-feira, 6 de maio de 2013

Tartarugas em sítios improváveis II - Aveiro

No verão de 2010 estive em Aveiro, passeei pela cidade, comi os famosos ovos moles e ainda andei de moliceiro pela primeira vez. Uma das visitas quase que obrigatórias seria passear pelo Parque Municipal. Andei por lá a passear em boa companhia naquele jardim muito aprazível, com muitas árvores em volta de um grande lago. 

Depois a conversa continuou mas agora num banco de jardim junto ao lago do parque, quando de repente vislumbro algo a deslocar-se rapidamente à superfície da água, e não seria certamente um crocodilo!
Fui ver, e era mesmo uma enorme tartaruga que por ali se passeava, e depois fiquei a saber que por ali andavam muitas mais. 

Ontem estive lá de novo - e na próxima mensagem explicarei melhor porquê - e desta vez já andei especificamente à procura delas, das tartarugas, mas só vi duas que estavam a apanhar sol, e fica a dúvida se elas agora andarão por lá em menor número. 

Zona da gruta

Lago 



Duas tartarugas, uma de cada lado 




Comida não falta, é preciso é nadar atrás dela!



Tartarugas em sítios improváveis I

Sem comentários:

Enviar um comentário