Páginas

quinta-feira, 3 de outubro de 2013

Bem-vindo outono!

Entretanto o outono chegou e trouxe com ele a chuva e temperaturas mais amenas com as mínimas a baixar dos 15º.  Com a chuva forte dos últimos dias aproveitei para vazar o lago, e lava-lo bem, e voltar a enchê-lo com água da chuva, afinal são 500L a menos na conta da água no fim do mês!

Este abaixamento da temperatura tem consequências imediatas na postura das tartarugas, tornam-se mais lentas, o apetite e a voracidade diminuem. De qualquer das formas, sempre que o sol se mostra por entre as nuvens, elas não perdem a oportunidade para se aquecerem.







2 comentários:

  1. Posso perguntar-lhe como corta a relva à volta do lago? É que eu pensei pôr relva à volta do lago mas depois achei que seria uma trabalheira para cortar e não pus. Coloquei umas lages de pedra em volta e enchi de casca de pinho o resto do terreno. Acontece que cada vez que a tartaruga passeia pelo terrário leva a casca de pinho agarrada á carapaça e suja-me a água.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá! É muito simples, encosto a tesoura da poda (das pequenas não de relva) e vou cortando aquela borda encostada ao lago e depois então com uma tesoura de relva aparo quando é preciso, e corto os novos rebentos para manter aquela largura. É uma manutenção muito simples porque só tenho uns 30/40cm de relva. A casca de pinheiro tem esse inconveniente, é leve e se elas passam por cima arrastam tudo. Eu coloquei relva para experimentar e para já estou satisfeito com o resultado.

      Eliminar